Eneagrama –Âmbito Pessoal


Quem é você ? O que realmente quer ?

Quais emoções lhe influenciam? Como trabalhá-las ?

O que impede seu potencial?

Responder a estas perguntas pode não ser tão simples quanto parece. Na maioria das vezes as pessoas respondem falando de características externas, como profissão, local de nascimento, estado civil, etc...

A dificuldade se dá pela distância entre a Essência (o que somos) e o Padrão de Comportamento (o que adotamos). Nos distanciamos do que realmente somos e adotamos um Padrão de Comportamento para sermos aceitos pela sociedade. Entretanto, adotar um Padrão de Comportamento implica abrir mão da criatividade e livre-arbítrio.

O trabalho com o Eneagrama faz com que o indivíduo reconheça o território do padrão de comportamento e recupere o contato com a essência, diminuindo a distância entre eles.

As 3 etapas do trabalho com o Eneagrama

A primeira etapa do nosso programa consiste no reconhecimento do Padrão de Comportamento. O Eneagrama é o mapa que descreve nove emoções a serem investigadas, cada uma relacionada a um Padrão de Comportamento.

Através de exercícios de auto-investigação, o participante traz para o consciente muitos de seus mecanismos de defesa, que são inconscientes e assumem a maneira como se percebe a realidade. Estes mecanismos de defesa, que podem ser chamados também de Vícios Emocionais, são poderosos alienadores.

Para ilustrar o que ocorre com o indivíduo, tomemos como exemplo a Raiva, que é uma das emoções investigadas. Quando ela é um Vício Emocional para o indivíduo, ele constrói uma vida regida pelo esforço voltado ao que é “certo”, tornando-se crítico, julgador, exigente consigo e com os outros. Assim afasta-se do que quer, reprimindo qualquer sentimento que venha em favor disso, em favor do que se “deve querer”. “Tenho vontade de descansar, mas não é certo, devo me esforçar mais” ou “Se eu faço o outro também deve fazê-lo”. Assume uma máscara de disciplina que apenas justifica sua Raiva inconsciente.

Nesta etapa, o indivíduo desenvolve uma maior observação de si, refletindo sobre a influência das 9 emoções no seu comportamento e visão da realidade, tornando-se, desse modo consciente do seu Vício Emocional. Como conseqüência, emergem uma consciência maior e o respeito pelas diferenças.

Na segunda etapa ampliamos o contexto da etapa anterior, explorando o mapa do Eneagrama em relação à formação do Padrão de Comportamento e como sua adoção está relacionada com uma maneira de se auto-organizar para sobreviver. Neste momento do programa, as pessoas entram em contato com o que está por detrás do Padrão de Comportamento, a Essência. Todas as peças do quebra-cabeça foram encaixadas e fica mais clara a influência de cada uma delas na conduta.

Na terceira etapa, o Eneagrama é utilizado para descrever o processo de Neutralização do Vício e Intensificar o contato consigo mesmo, parando o fluxo de satisfação secundário (Padrão de Comportamento) e recuperando o fluxo primário (Essência).

Essência

Para compreendermos o que é Essência, antes temos que definir alguns elementos que a compõem. Em nosso trabalho, nos baseamos nos 3 centros de inteligência e seu funcionamento integrado. Centro Ativo É o centro de inteligência instintiva, da ação e reação e sede dos instintos de: Preservação, relacionado com nossas necessidades e busca por sobrevivência; Sexual, relacionado com nossa necessidade e busca de contato físico com as outras pessoas. Social, relacionado a nossa necessidade e busca pela vida em grupo. Centro Emocional Centro que promove a ligação com as outras pessoas e o universo, compreende a si e o outro por meio da relação. A função essencial deste centro é reconhecer as necessidades e estímulos provenientes do Centro Ativo. Centro Teórico A função essencial deste centro esta relacionada ao emprego da criatividade e busca de meios adequados para satisfação das necessidades reconhecidas pelo centro emocional. É o centro mental, da análise e planejamento. O funcionamento integrado destes 3 centros é o que podemos chamar de essência ou pelo menos, uma perspectiva dela.

Padrão de Comportamento

Chamamos de Padrão de Comportamento o conjunto de meca

nismos de defesa que o indivíduo adota para ser aceito. Sua influência é tão grande que dirige a maneira como pensamos, o que sentimos e como agimos, enfim, a maneira como percebemos a realidade.

O reconhecimento do Padrão de Comportamento é um processo simples, mas não necessariamente fácil. Deve ser realizado sob orientação de um terapeuta com experiência, que vai ajudar o indivíduo a enxergar a si mesmo no mapa que descreve os tipos de personalidade. Todas as 9 emoções devem ser exploradas e nunca apenas o Vício. Portanto, questionários de auto-identificação são totalmente desaconselháveis, pois trazendo mais desorientação do que tomada de consciência.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Entre em contato conosco:

Tel: (43) 3322-5435

Cel: (43) 99994-0705

contato@rmtreinamentos.com

Rua Senador Souza Naves, 771

Londrina - PR

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Vimeo Social Icon
  • YouTube Social  Icon